domingo, 10 de agosto de 2014

CHURRASCO - COMO ACENDER UMA CHURRASQUEIRA


Uma das tarefas que mais causam polêmicas nas rodas entre amigos naquele dia de sol. Qual a melhor maneira para acender uma churrasqueira?

Receitas não faltam. Álcool em gel, pão banhado a álcool, papel higiênico com óleo de cozinha... São inúmeras formas para acender, mas todas têm seus prós e contras.

Lembre-se que lidar com fogo exige certos cuidados de segurança, para evitar acidentes ou ferimentos. Uma pequena fagulha que caia num frasco de álcool pode causar uma explosão. Um simples pedaço de plástico que caia dentro de uma churrasqueira provocará a liberação de gases tóxicos que poderão causar mal-estar e dor nos olhos de quem estiver por perto. Antes de acender o fogo, verifique se não há crianças por perto, nem qualquer produto inflamável.

Primeiramente o carvão deve ser de boa qualidade. Importante verificar se o carvão comprado tem o selo do Inmetro, instituto que verifica a procedência dos produtos e garante a sua qualidade. Pegue o carvão e espalhe por toda a churrasqueira. Deixe uma pilha de carvão maior do que outra em um canto da churrasqueira, assim um lado a carne assa mais devagar e por completa e o outro lado assa melhor a parte de fora, valorizando assim o tipo do churrasco mal passado.

Feita a pilha vamos as receitas mais variadas que podem dar certo, mas existem as maneiras mais práticas.

Papel Higiênico e óleo
Encharque o carvão com álcool ou óleo. Faça o mesmo com um pedaço de papel higiênico que caiba na sua mão com óleo de cozinha, preferencialmente de soja, e jogue no carvão.  Assim que começar a pegar fogo, abane até manter a brasa.
Prós – Pega fogo rápido
Contra – Faz uma fumaça escura altamente tóxica e precisa abanar para manter a brasa.


Rolo de Jornal ou sistema vulcão
É praticamente a mesma forma de acender com o papel higiênico, porém usando o álcool ao invés do óleo de cozinha. Enrole em volta de uma garrafa várias tiras de jornal, tomando o cuidado de não fechar a parte superior ou a inferior do objeto.  Após enrolar uma camada espessa de papel, retire o objeto, formando assim um canudo de papel. Coloque esse canudo no centro da churrasqueira e envolva-o com carvão, por dentro e por fora.
Prós – O fogo dura mais, ajudando a brasa.
Contra – Além da fumaça tóxica, o nome já diz “Sistema Vulcão” porque a fumaça joga bastante cinza, além de ser tóxica também. Além disso, sua carne também pode ser contaminada.


Pão e álcool
Embeba em álcool um pedaço de pão, de preferência amanhecido. Coloque-o dentro de um pequeno monte de carvão e cubra-o com mais carvão. Jogue um pouco mais de álcool sobre esse monte e depois ponha fogo.
Prós – Pega fogo rápido, de forma uniforme
Contra – Precisa abanar bastante para manter a brasa


Álcool
Encharque o carvão já na churrasqueira com bastante álcool. A medida é para cada quilo de carvão, meia garrafa de álcool. O álcool diluído, de 46ºGL, não serve. Os melhores são de 92ºGL ou mais. Se for utilizar o álcool em gel, a medida é uma garrafa para um saco de carvão.

Após molhar o carvão, espere pouco mais de um minuto para que o álcool seja absorvido.  Jogue de longe um palito de fósforo. Aqueles de 45 cm são os melhores, pois mesmo com o movimento o fogo se mantém.  Não precisará abanar o carvão, pois com ele encharcado de álcool, a brasa se manterá sozinha.  Antes de botar sua carne para assar, espere 45 minutos para que a brasa se torne uniforme e as chamas diminuírem consideravelmente. 
Prós – Não precisa abanar. Se for feito da maneira certa, a brasa pega tranquilamente. Não tem fumaça tóxica, apenas do carvão e as cinzas ficam dentro da churrasqueira.
Contra – O risco de acidente caso o palito de fósforo seja jogado muito próximo da churrasqueira.


Acendedor automático
É uma espécie de ferro que, ao ligar na tomada, esquenta de maneira rápida, fazendo o carvão ficar em brasa em aproximadamente cinco minutos.  É muito fácil de usar. Apenas ligar à tomada e deixar o ferro entre os carvões da churrasqueira. Quando a brasa ficar forte, tire o acendedor.
Prós – É rápido e prático. Qualquer pessoa consegue usá-lo.
Contras – O fio é envolvido em um rolo de plástico, aumentando o risco de acidentes por conta da alta temperatura. O risco de curto-circuito também é grande por conta do mesmo problema. Para guardá-lo também.
(Fonte: blogspot churrascaria do gaúcho)

7 comentários:

  1. O meu marido acende sempre a churrasqueira com 2 copos de plastico com 2 dedos de alcool em cada, e deixa o fogo se espalhar automaticamente, e sem precisar ficar proximao.

    Bom post Bjs

    ResponderExcluir
  2. Que absurdo. Meia garrafa de álcool pra cada kg de carvão!!! Um pacote de 6 kgs de carvão, necessita de 3 garrafas de álcool???? NÃO ESQUEÇAM DO EXTINTOR DE INCÊNDIO. Sem noção!!!

    ResponderExcluir
  3. Meu pai acende meia vela e coloca no meio do carvão e tampa com mais carvões, em 5 minutos pega o fogo e dá tempo da primeira fumaça tóxica passar e por a carne pra assar.

    ResponderExcluir
  4. Boa está da vela.acendo com o pão e álcool. Mais VOU testar esta.

    ResponderExcluir
  5. Meu pai coloca o carvão espalhado na churrasqueira, olha pra ele durante 30 segundos e ele pega fogo sozinho. Depois de 20 minutos já tem carne saindo bem passada!

    ResponderExcluir
  6. Meu pai coloca o carvão espalhado na churrasqueira, olha pra ele durante 30 segundos e ele pega fogo sozinho. Depois de 20 minutos já tem carne saindo bem passada!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...