sexta-feira, 29 de maio de 2015

SERGIO CARRANO - TRANSGÊNICOS – A BATALHA CONTINUA


     Esta semana o Senado Federal do Brasil abriu consulta pública através de sua página na Internet no sentido de apurar se a população brasileira concorda com a aprovação do projeto do Deputado Heize que modifica as regras até então em vigor onde era necessário rotular alimentos transgênicos com o T dentro do triângulo amarelo.
     A bem da verdade, o projeto do Deputado Heinze, aprovado na Câmara recentemente, prevê que seja divulgada a informação da presença de transgênicos se houver um mínimo de 1% na composição dos alimentos, se decetável por exames específicos.
     Ocorre que a maioria dos produtos que contém transgênicos utilizam menos de 1% na composição total, bem como os exames específicos para detecção são muito caros e dificilmente seriam feitos para essa finalidade.
     Isso quer dizer que se o projeto que agora está no Senado for aprovado, você poderá estar consumindo transgênicos sem saber, em um futuro bem próximo.
Por isso, acesse a página do senado, diretamente na consulta pública, se desejar opinar sobre o assunto: http://www12.senado.gov.br/ecidadania/visualizacaotexto?id=164869
     Me parece que nesse assunto, o Senado está sendo bem mais cuidadoso do que a Câmara dos Deputados, que, sequer promoveu estudos ou consulta pública para aprovar o tal projeto Heinze.

Sergio Carrano

quarta-feira, 27 de maio de 2015

THIAGO LIMA - PORCO PRETO ALENTEJANO X CUCA DE BANANA


     Olá meus leitores amantes de uma boa gastronomia!
     Como todos sabem, morei e trabalhei em um dos melhores restaurantes de Portugal onde se usava muito a famosa carne de porco preto alentejano!
     Comecei a pesquisar a respeito e me deparei com uma perfeita descrição do porco preto onde não poderia deixar de compartilhar com vocês.
     O Porco Preto Alentejano é um animal de pele escura, pelo escasso, focinho e patas finas e compridas. Tem uma característica genética que lhe permite armazenar gordura no seu tecido muscular e que é a chave da inconfundível textura da sua suculenta carne. Esta raça é excepcional e privilegiada pela natureza, e nos dias de hoje só se encontra no sudoeste da Península Ibérica. A Raça Alentejana é descendente do javali do sul, derivando do tronco ibérico ou românico. Devido à sua genética e inexistência de cruzamentos com outras raças, registra maior capacidade de infiltração de gordura intramuscular. Assim se explicam as nervuras marmoreadas que dão à carne uma untuosidade e textura únicas, e um paladar e aroma inconfundíveis.
     Historicamente preservada em Portugal, a raça Alentejana é única e valorizada em todo o Mundo pela sua autêntica genuinidade.
     O Porco Preto Alentejano com uma alimentação que consiste num regime extensivo de pastoreio nos campos, em montado de azinheiras e sobreiros, pasta em total liberdade no montado durante 18 a 24 meses, percorrendo 2 a 3 ha por dia, na busca de alimentos disponíveis- bolota e pasto.
     O regime bolota que combina com a ingestão de ervas frescas e plantas aromáticas, complemento proteico que acrescenta um suave perfume as suas carnes e daí é sem dúvida a matéria-prima insubstituível para conseguir as melhores carnes, enchidos e presuntos que temos o prazer de fabricar.
     Esta carne varia entre a cor rosa pálida e rosa escura, consoante à idade do animal, tem uma textura pouco fibrosa e uma gordura firme, por vezes excessiva à superfície das carcaças. Todas as nossas carnes, tais como: Secretos, Plumas, Lombinhos, Lombos, Presa da Pá, Entrecosto, Faceira, Cachaço, Costeletas, Espetadas, etc. que hoje se utilizam em grande parte na nossa gastronomia em todo o pais, são provenientes destes distintos animais.


     E vamos para uma simples e deliciosa receita que agrada a todos!

CUCA DE BANANA COM FAROFA

INGREDIENTES
Farofa
5 colheres (sopa) de farinha de trigo
5 colheres (sopa) de açúcar
3 a 4 colheres (sopa) de manteiga
canela em pó a gosto

Massa
1 ovo
8 colheres (sopa) de açúcar
2 colheres (sopa) de manteiga
1 pitada de sal
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de fermento biológico
1 xícara (chá) de leite

8 bananas-prata cortadas em fatias

MODO DE PREPARO
Farofa
     Coloque numa tigela a farinha de trigo, o açúcar, a manteiga, a canela e misture comas pontas dos dedos até formar uma farofa. Reserve.

Massa
     Numa outra tigela misture o ovo com o açúcar, a manteiga, o sal, formando uma farofa. Adicione a farinha, o fermento, o leite e misture bem para não empelotar.
     Transfira a massa para uma forma retangular untada com manteiga. Sobre a massa coloque as fatias de bananas e cubra com a farofa reservada acima. Cubra com um pano e deixe crescer por 30 minutos.
     Leve para assar em forno médio pré-aquecido a 180°C por cerca de 40 minutos ou até dourar. Retire do forno e sirva em seguida.


Contatos:
(21) 98737-9583 (RR Assessoria)
rrassessoria.thiagolima@gmail.com
Facebook: thiagolimapadrao

terça-feira, 26 de maio de 2015

LINK PATROCINADO - BUQUÊS DE FLORES: DICAS DE COMO ESCOLHER O BUQUÊ DO SEU CASAMENTO


     Saiba mais sobre os tipos de flores mais usadas, e as espécies mais indicadas para cada ocasião.

     A cada ano, são lançadas novas tendências em cores para buquês de flores para noivas. Os tradicionais buquês de flores continuam em alta. E na hora de escolher as cores das flores que irão compor o buquê é importante considerar que diferentes tonalidades podem transmitir diversas mensagens e simbolizar sentimentos profundos. Mas ainda é preciso ter em mente que a cor do buquê deve combinar harmonicamente tanto com a paleta de tons da decoração da igreja e da festa quanto com a cor dos acessórios (sapatos, joias, véu) da noiva. Tudo isso, obviamente, levando em consideração o gosto do casal.
     É preciso também levar observar o horário e o tipo de cerimônia, o que faz toda a diferença na escolha do buquê. Buquês coloridos ou em tons mais claros e suaves são uma boa opção para cerimônias no campo. Nesse caso, prefira buquês menores e preferencialmente arredondados. Casamentos noturnos permitem buquês maiores, e em formato de cascata. Veja a seguir outras opções:


Flores para cada tipo de cerimônia
Casamentos à noite: Buquês de rosas vermelhas são um clássico, muito usadas para quem busca um toque de sofisticação e glamour. Orquídeas também são uma boa opção de flores nobres, que criam belos e elegantes buquês.

Casamentos campestres: Escolha flores do campo como margaridas, cravos, gérberas e hortênsias. Usar apenas um girassol como buquê também é uma solução simples e muito delicada.

Casamentos na praia: Nesse caso, as flores mais indicadas são copos-de-leite e callas, margaridas, rosas amarelas e astromélias, em tons mais claros. Essas espécies resistem bem ao calor também.

     Escolher as flores de acordo com o clima e a estação do ano também pode colaborar para que o buquê mantenha a boa aparência e não murche.

Dicas na hora de escolher o seu buquê
- Nunca use as mesmas flores da decoração no buquê, para não parecer que ele foi montado com sobras da decoração.
- Evite flores com cheiro muito forte, como lírio, lavanda, jasmim cujo perfume intenso pode causar enjôos ou alergias.
- Algumas flores são mais caras como orquídeas, tulipas, gardênias e copos de leite. Para um buquê mais econômico, mescle essas espécies mais nobres com outras de valor mais acessível como margaridas, girassóis, gérberas e crisântemos, entre outras.
- A gypsophila, ou mosquitinho, são flores pequenas que podem ser usadas em qualquer tipo de cerimônia. Elas nunca saem de moda e podem ser usadas sozinhas ou misturadas a outras flores no buquê.
- Cada vestido pede um tipo de buquê. Modelos em corte clássico, com cintura marcada ou modelagem sereia pedem buquês em cascata. Buquês grandes e redondos acompanham bem noivas com vestidos de cauda longa e véu largo. Vestidos muito bordados exigem buquês mais simples, para não pesar o visual. Se o vestido for simples e curto, um buquê elaborado e colorido pode ser uma aposta certa.

Fonte: Nova Flor

quinta-feira, 21 de maio de 2015

NOTÍCIA - WHOSCALL IDENTIFICA E BLOQUEIA CHAMADAS INDESEJADAS


    Conhecido pelos asiáticos, o aplicativo whoscall chegou oficialmente ao Brasil no início deste ano. Em termos gerais, o app identifica e bloqueia – se assim o usuário desejar, é claro – chamadas de serviços de telemarketing, propagandas, spams, golpes, fraudes e trotes. O aplicativo já dispõe de um vídeo em português, no Youtube, que explica como funciona, e uma página no Facebook, além de um site em português. 
     O whoscall foi desenvolvido especialmente para o sistema Android, mas também possui versões para Windows e iOS. 
     Gratuito, o app é capaz de identificar instantaneamente as chamadas de números desconhecidos antes que o usuário atenda o celular e também de bloquear chamadas e mensagens de texto indesejadas. Ele reconhece as ligações por meio de uma base de dados da empresa: são 700 milhões de telefones no mundo segundo comunicado.
     A base de dados é formada por números disponíveis em listas telefônicas, na internet, em bancos de dados públicos e por tags criadas pelos próprios usuários, constantemente atualizados. Desta forma, o app apoia-se no conceito de inteligência coletiva: os usuários colaboram uns com os outros ao darem informações sobre os números, beneficiando toda a comunidade.
     Ao baixar a base de dados do aplicativo no seu celular, o usuário pode identificar números desconhecidos até mesmo quando estiver sem acesso à internet. A base de dados offline, inclusive, faz o reconhecimento mais rápido de quem está ligando.
    O aplicativo tem diversas outras funcionalidades. Ele mostra, por exemplo, o histórico de chamadas recebidas, efetuadas e perdidas, com data, horário e duração; faz chamadas e envia mensagens de texto; bloqueia de mensagens de texto e números de telefone não reconhecidos; inclui telefones úteis na agenda do usuário e nota sobre os números. Além disso, cria pastas para organizar os números telefônicos e um cartão de visitas virtual que identifica o usuário para outros membros da comunidade whoscall. 
     O app, desenvolvido em 2012 pela Gogolook, subsidiária do grupo sul-coreano Naver, tem 20 milhões de usuários no mundo.
(Fonte: IG)

quarta-feira, 20 de maio de 2015

NOTÍCIA - IDEC LANÇA APLICATIVO PARA TIRAR DÚVIDA SOBRE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES


     Recentemente, o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor, Idec, lançou um Guia Telecom, um aplicativo para esclarecer os direitos do consumidor nas áreas de telefonia fixa, celular e internet móvel, internet fixa e TV por assinatura. Ano após ano, os serviços dessa área sempre estão entre os que mais provocam dúvidas e reclamações entre os consumidores nos órgãos de proteção.
     De forma simples e rápida, com a ajuda do aplicativo, o cliente pode esclarecer sua dúvida sobre determinado tema e saber em quais locais, em todo o Brasil, pode fazer uma reclamação sobre as empresas. 
     Patrocinado pela Fundação Ford, o app Guia Telecom está disponível para dispositivos que rodam Android e, em breve, para os com sistema IOS, e foi lançado para homenagear o Dia Internacional das Telecomunicações, comemorado em 17 de maio. O mesmo conteúdo também está disponível no site. 
(Fonte: IG)

THIAGO LIMA - CHAMPAGNE X COMPOTA PICANTE DE TOMATE


Ola Leitores!
     Hoje vamos passear pela deliciosa região de Champagne na França!
     Quando estive lá, imaginava que seria um passeio super agradável! Mas não imaginava que daria vontade de morar!
     Destaque para a pequena e charmosa cidade de Reims, onde célebre pela catedral onde foram coroados numerosos reis da França. A Catedral de Notre-Dame de Reims está inscrita na lista de Patrimônio Mundial da UNESCO, e comemora seus 800 anos.
     O champanhe é a jóia da cidade. Este tão desejado vinho nasceu no século XVII, quando se começou a controlar a efervescência natural do vinho como fazia o monge Dom Pérignon. As Casas de Champanhe tornaram essa bebida dos reis, o símbolo do espírito francês pelo mundo todo, com numerosas marcas: Veuve Clicquot-Ponsardin, Roederer ou Mumm. Sem esquecer a cidade de Épernav, que abriga as prestigiosas adegas de Moët & Chandon, criadas em 1743 e muito apreciadas por Napoleão I. Vale a pena conhecer a região e desfrutar das indescritíveis paisagens e do clima impar da região!


     E atendendo à pedidos, teremos na TV a minha receita que, uns dizem ser afrodisíaca. Ela não pode faltar em nenhum jantar meu!

COMPOTA PICANTE DE TOMATE

INGREDIENTES
Compota
1 litro de água
500 g de açúcar
8 a 10 tomates sem semente e sem casca cortados em juliene,
20 morangos cortados em juliene
3 a 4 tiras pimenta dedo de moça sem semente cortadas em juliene

Barquete
30 barquetes neutras
folhas de manjericão
350 g de cream cheese

MODO DE PREPARO
Compota
     Numa panela coloque a água, o açúcar e leve ao fogo baixo até formar um caramelo líquido. Adicione os tomates, misture e deixe cozinhar. Quando começar a engrossar acrescente a pimenta dedo de moça, deixe cozinhar mais um pouco e desligue o fogo.

Barquete
     Em cada barquete coloque uma porção de cream cheese, cubra com a compota de tomate ainda quente, decore com pedaços de morango e uma folha de manjericão. Sirva em seguida.


Contatos:
(21) 98737-9583 (RR Assessoria)
rrassessoria.thiagolima@gmail.com
Facebook: thiagolimapadrao

terça-feira, 19 de maio de 2015

LINK PATROCINADO - ALIANÇAS DE NAMORO E DE COMPROMISSO, SÍMBOLOS QUE CELEBRAM A UNIÃO


     Esse costume antigo, que retorna com força total, marca o momento de celebração do compromisso de casais de namorados, antes de darem os próximos passos rumo ao noivado e casamento.

     Normalmente, as alianças são símbolos fundamentais de uniões sociais tradicionais como casamento e noivado. Elas sinalizam o amor que liga duas pessoas, daí a origem do nome “aliança”, que vem do latim “alligare”, e significa união, vínculo. Seu uso, antigamente, também tinha uma função econômica, e marcava o pagamento do dote ao noivo pela família da noiva, em um tempo em que casamentos eram negociações entre duas famílias, mais do que celebrações do amor romântico. A aliança selava a formalização de uma espécie de contrato, a fim de garantir o patrimônio material das famílias dos noivos e a continuidade de linhagens de nome e sangue.
     Esse tempo passou, e hoje o enlace matrimonial é o ritual máximo de celebração de um sentimento duradouro entre pessoas que se amam. A aliança, pois, é um símbolo do amor e do compromisso assumido perante a sociedade e os cônjuges. Mas existem outros tipos de alianças, que servem para demarcar etapas diferentes do relacionamento, antes do noivado e do casamento. Elas demonstram a existência de uma relação especial e profunda entre duas pessoas: a aliança de compromisso, também conhecida como aliança de namoro.

Momento especial
     As alianças de namoro ou de compromisso são joias mais simples, normalmente feitas em prata ou ouro branco, para diferenciá-las das alianças de casamento, confeccionadas em ouro amarelo. Geralmente são usadas no dedo anelar da mão direita. Por seu formato circular, conta-se que a aliança simboliza um desejo de eternidade, já que o círculo não possui começo nem fim. Esotericamente, são atribuídos a anéis em geral poderes “mágicos”, pois o anel é o protetor de algo ou alguém que guarda um tesouro ou um segredo precioso. Assim, presentear a pessoa amada com uma aliança de compromisso ou de namoro representa também um desejo concreto de manter e aprofundar a relação que é muito valiosa, e que deve ser resguardada por ambas as partes, com fidelidade e respeito.
     As alianças de compromisso podem vir com os primeiros nomes dos namorados gravados na parte interna, ao lado da data do começo do namoro. Uma alternativa é gravar nas duas alianças os nomes do casal. E, já que as alianças de namoro são menos formais e serão, um dia, substituídas pelas alianças de casamento, geralmente possuem um valor menor. Por isso, ao invés dos nomes, vale até mesmo gravar na peça apelidos carinhosos usados entre o par.

Quando entregar?
     As alianças de namoro marcam um momento de aprofundamento do compromisso e da afinidade entre o casal. Elas celebram a maturidade do relacionamento e simbolizam um passo importante na vida a dois. Geralmente, ela é oferecida em momentos especiais como em aniversários ou comemoração dos anos de namoro. O 12 de junho, Dia dos Namorados, também é uma data ideal e bastante simbólica, que pode ser escolhida para celebrar o relacionamento e surpreender a quem se ama.


Dicas para escolher o melhor modelo
     Existem vários modelos de alianças de compromisso, com diferentes detalhes e acabamentos que valorizam e modernizam a peça, para agradar ao gosto de homens e mulheres. Existem também modelos com formato externo abaulado, côncavo, e com cantos chanfrados. Também existem as alianças com formato quadrado, que estão na moda e são anatômicas. Na hora da compra, procure lojas de confiança como a Virtual Joias, que oferecem alianças confeccionados em ouro 18 quilates e prata de lei 950, que possuem qualidade e duram para sempre.
     Dentre as opções, existem modelos mais contemporâneos, como as alianças de namoro em prata polida e fosca, que são discretas e elegantes. Geralmente, a peça que será usada pela mulher possui algum detalhe como brilhante ou zircônia.
Há também alianças de namoro em prata diamantada, cuja superfície possui alto brilho e é trabalhada de modo a reproduzir a textura de uma peça cravejada de brilhantes.
Um dos modelos mais procurados são as alianças de compromisso que combinam prata e ouro, que geralmente é usado nos detalhes dos filetes. Essas linhas finas que decoram a peça equivalem à quantidade de anos do namoro que se está comemorando.
     Há ainda modelos criativos como alianças personalizadas de namoro, com os nomes gravados na parte externa da peça, ou ainda com as iniciais do casal. E, para os mais apaixonados, alianças de compromisso com o símbolo de um coração.
     Esses e outros modelos de alianças, você encontra na Virtual Joias. Acesse o site agora mesmo e confira!

NOTÍCIA - APP É FERRAMENTA DE VENDAS PARA EMPRESAS


     O aplicativo WhatsApp já é um grande aliado das empresas nas vendas. Cada uma das vendedoras da loja Pitanga Wear, em São Paulo, tem um tablet à disposição. Assim que chegam, pegam os aparelhos e vão direto para o app, cheio de mensagens. Mas nada de bater papo. O aplicativo é usado para divulgar fotos das novidades que chegam todos os dias à loja, com oito anos de mercado e que vende no atacado e no varejo, em shopping do bairro do Brás, em São Paulo.
     A venda toda é fechada ali, conta a gerente de marketing. O cliente envia os dados do cartão ou uma foto dele, e fechamos a compra. Ela diz que a adoção do sistema reduziu a conta de telefone da empresa em 70%. Hoje, as vendas pelo aplicativo são 30% do total.
     A facilidade e a agilidade do WhatsApp para troca de mensagens, a economia que gera e a maior proximidade que cria com os clientes têm levado pequenos empresários a tentar diferentes formas de aproveitar o aplicativo em seus negócios. Fabiana Avesani, que vende roupas em modelo de consignação, conta que cria seis grupos de 50 clientes semanalmente para divulgar peças novas. Ela explica que as consumidoras descobrem seu telefone a partir do seu perfil no Facebook, que traz o número do seu celular. Assim, ela garante que só adiciona clientes interessadas em receber as mensagens promocionais, em vez de incomodar quem não procura seu serviço.
     Mas a ferramenta nem sempre é aplicada sem algum transtorno, afirma o dono de uma pizzaria em Diadema (SP). Ele implantou o WhatsApp para o delivery em janeiro. Os clientes gostam, mas o atendimento pode se tornar bem caótico quando o movimento é grande.
“Só uma das atendentes fica no WhatsApp. Às vezes ela fica sem o que fazer, em outras não dá conta”, esclarece. Segundo ele, o maior problema é a impossibilidade de acessar a mesma conta em computadores diferentes para garantir respostas mais rápidas às mensagens. Muitas vezes, quando consegue atender a mensagem de um cliente, ele já desistiu e fez o pedido pelo telefone.
 (Fonte: IG)

RECEITA EXPRESSA - BERINJELAS EMPANADAS

     Receita mega rápida para o seu fim de semana.

INGREDIENTES
2 berinjelas cortadas em rodelas de 1 cm
sal a gosto

Empanamento
4 ovos batidos
200 g de farinha de rosca

MODO DE PREPARO
     Numa tigela coloque as berinjelas, sal a gosto, cubra com água e deixe de molho por cerca de 30 minutos para tirar o amargo.
     Passe as rodelas de berinjela nos ovos batidos, na farinha de rosca, novamente nos ovos e em seguida na farinha de rosca.
     Frite as berinjelas empanadas em bastante óleo quente até dourar. Retire com uma escumadeira e escorra em papel absorvente. Sirva em seguida.

segunda-feira, 18 de maio de 2015

NOTÍCIA - PENDRIVE TRANSFERE ARQUIVOS ENTRE PCS E CELULARES


     O pendrive SanDisk Ultra Dual Drive USB 3.0 tem como diferencial o fato de ser compatível com smartphones Android. De um lado do dispositivo há um conector USB 3.0. Do outro, um micro USB. O produto facilita a troca de arquivos e acaba com a necessidade de cabos, e-mails ou redes sem fio.
     O modelo avaliado, com 32 GB e preço sugerido de R$ 120, cumpriu as expectativas. É realmente simples trocar informações entre um computador e um telefone por meio dele. Deslize a chave para um lado e obtenha o USB 3.0. Plugue-o no computador e transfira os arquivos. Depois, mude para a outra extremidade do pendrive e conecte ao celular para reproduzir automaticamente o conteúdo.
     O Ultra Dual Drive ainda conta com apoio do aplicativo SanDisk Memory Zone. Ele organiza e mostra tudo o que está armazenado no celular e nos acessórios (pendrive, microSD, entre outros). Mas, durante os testes, o app não conseguiu captar o que havia no dispositivo em dois celulares diferentes. Ele apenas exibiu o conteúdo da memória interna e do cartão microSD.

Design
     Pequeno, o produto da SanDisk tem apenas 3,6 cm de comprimento (pouco maior do que uma moeda de R$ 1). Seu design é clássico com a presença de pequenos detalhes. Metade de sua estrutura é desenhada. A outra parte, lisa. O objetivo é diferenciar onde começa e termina cada conector. A chave encontra-se na lateral e basta deslizá-la para mudar a opção.
     O Ultra Dual Drive possui cinco anos de garantia e é compatível tanto com Mac quanto com Windows. O dispositivo também pode ser usado em tablets, desde que tenham o sistema operacional Android. Há no mercado versões com 16 GB e 64 GB (que custam, respectivamente, R$ 70 e R$ 230).
(Fonte: Uol)

RECEITA EXPRESSA – ARROZ DE MICROONDAS

     Um arroz mega fácil e rápido de fazer no seu micro-ondas.

INGREDIENTES
2 colheres (sopa) de óleo
4 colheres (sopa) de cebola picada
1 colher (sopa) de alho picado

1 ½ xícara (chá) de arroz branco
1 colher (chá) de sal
3 xícaras (chá) de água

MODO DE PREPARO
     Numa tigela coloque o óleo, a cebola, o alho, misture e leve ao micro-ondas em potência alta por 4 minutos.
     Retire a tigela do micro-ondas, adicione o arroz, o sal, a água, misture, cubra com filme plástico e leve novamente ao micro-ondas em potência alta por 20 minutos. Retire a tigela do micro-ondas, solte o arroz com um garfo e sirva em seguida.

quarta-feira, 13 de maio de 2015

THIAGO LIMA - HISTÓRIA DA GASTRONOMIA X RABANADA DE CALDAS DE FRUTAS VERMELHAS


Olá queridos leitores!
     Estava lendo alguns artigos muito interessantes e pensei em falar um pouquinho sobre a história da gastronomia, suas origens e alguns porquês.
     A história da gastronomia se perde nos primórdios da existência da Humanidade, iniciando-se provavelmente, segundo os historiadores, no período paleolítico, assim que o homem começou a caçar. Uma nova etapa se descortinou para o ser humano quando ele se tornou sedentário, fixando-se a terra, impulsionando então a agricultura e o domínio dos animais. Esta ação proporcionou uma riqueza alimentar antes desconhecida, possibilitando o crescimento da população e o desenvolvimento das migrações, sempre que se esvaíam os bens naturais.
     Apenas os egípcios e os mesopotâmicos mantiveram-se em sua própria terra, graças à intensa e permanente fertilidade propiciada pelos rios Nilo, Tigre e Eufrates. Os pioneiros na arte gastronômica foram os indianos, africanos, árabes, japoneses, chineses e os italianos da era do Império Romano. Logo a fartura resultante da abundância de alimentos gerou o comércio, pois havia a carência de determinados produtos em uma ou outra região, assim era preciso estabelecer um intercâmbio entre estes territórios. O comerciante gerava um fenômeno até este momento inédito, alguns alimentos novos tornavam-se indispensáveis para as pessoas, implementando ainda mais os trâmites comerciais.
     Para resistir aos longos deslocamentos sem deteriorar, os alimentos foram protegidos com a adição de temperos e resinas, e cedo o Homem se deu conta da potencialidade de algumas ervas aromáticas, as quais incrementavam o paladar dos alimentos, além de ajudar na sua preservação. A procura destas plantas deu início a grandes transformações sócio-políticas, como o fim do Império Romano, o início dos Descobrimentos, entre outras.
     A França não tardou a se tornar um grande centro gastronômico. A união do rei Louis de França com a filha da Itália Catherine de Médici, considerada a rainha das panelas, foi o princípio de uma história de sucesso para a Gastronomia em solo francês. No ano de 1748 despontou neste país um gourmet – como é designado o cozinheiro na França – de imenso talento, Antoine Careme, que já aos 17 anos era contratado para ser o cozinheiro oficial do Palácio Champps-Elisée. Posteriormente, ele foi trabalhar com o imperador Alexandre da Áustria e depois serviu com seus talentos o Barão de Rothschild, o homem mais rico e poderoso da França. Em 1885 o maior cozinheiro do Planeta também era francês, August Scouffier, o qual criou um código relacionando todos os elementos gastronômicos essenciais para uma cozinha, o que contribuiu para um requinte sem igual na Gastronomia.
     Na década de 60, Paul Bocuse, Gault Millan e Jean Michelli subverteram esta arte ao criarem a Nouvelle Cuisine Française. Há uma diferença fundamental entre a Gastronomia e a Culinária. O gastrônomo ou gourmet também cozinha, mas ele está igualmente atento à sofisticação dos pratos, preocupando-se em expor da melhor forma possível os alimentos preparados. Assim, ele observa as vestes, a música e a dança mais apropriadas para se aliar a determinadas refeições, transformando este momento em uma verdadeira cerimônia alimentar, não só voltada para a sobrevivência do Homem, mas principalmente para lhe despertar o máximo prazer.


     Deu fome não é?
     Vou passar uma receita, que apesar de lembrar do natal, ela é super simples de fazer, gostosa e ira surpreender seus convidados! E comigo ensinando na TV! Aproveitem!


RABANADA DE CALDAS DE FRUTAS VERMELHAS

INGREDIENTES
1 pão cortado em 4 fatias grossas
100 ml de leite
1 colher (sopa) essência de baunilha
açúcar refinado a gosto

1 ovo batido

200 g manteiga sem sal

canela em pó misturada com açúcar a gosto
150 g calda de frutas vermelhas
hortelã a gosto

MODO DE PREPARO
     Umedeça as fatias de pão na mistura de leite, essência de baunilha e açúcar. Em seguida passe as fatias no ovo batido.
     Numa frigideira aquecida com a manteiga doure todos os lados das fatias de pão. Retire da frigideira e coloque num prato.
     Polvilhe a canela misturada com o açúcar, regue com a calda de frutas vermelhas e decore com folhas de hortelã. Sirva em seguida.


Contatos:
(21) 98737-9583 (RR Assessoria)
rrassessoria.thiagolima@gmail.com
Facebook: thiagolimapadrao

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...