sábado, 30 de abril de 2016

RECEITA VEGANA - BROWNIE


INGREDIENTES
150 g de castanha de caju sem sal

4 bananas picadas
¼ xícara (chá) de cacau em pó vegano

MODO DE PREPARO
Num processador coloque a castanha de caju e bata bem até formar uma manteiga. Adicione as bananas, o cacau em pó e bata bem até misturar. Transfira a massa para uma assadeira untada e polvilhada com cacau em pó e leve para assar em forno médio pré-aquecido a 180ºC por cerca de 20 minutos. Retire do forno e deixe esfriar. Sirva em seguida.

BELEZA - COMO DISFARÇAR MARCAS INDESEJÁVEIS DO SOL


O sol nem sempre é um aliado da beleza. Basta um descuido e as marcas indesejadas aparecem e custam a sumir do corpo. E elas surgem não só para quem cochilou na praia ou piscina, como para quem trabalha ou se exercita a céu aberto. Veja como disfarçar essas manchas e aproveitar o verão com um bronzeado mais bonito.

Para quem está preocupado somente com o visual, como as temidas marcas de óculos de sol ou aquelas partes mais brancas nos braços e nas pernas, uma maquiagem camufladora, como a utilizada contra manchas vasculares e de vitiligo.

Mais uma dica para uniformizar aos poucos a cor da pele: os autobrozeadores. O ideal é aplicar durante a noite somente sobre a área não queimada. Aqui é importante verificar o tom da queimadura e da pele e testar o produto para o resultado não ficar ainda pior.

Ai, que dor!
O exagero te deixou um "pimentão"? Para aliviar a vermelhidão mais rapidamente cremes hidratantes, banho com água fria, ingestão de líquidos e de alimentos como cenoura, abóbora, maçã, beterraba (que contêm carotenoides que retêm as radiações ultravioletas).

Para marcas mais persistentes, despigmentantes ou laser sob orientação médica podem ser outra solução. Se a pele estiver inflamada mesmo, é preciso usar um creme à base de corticoide, indicado por um médico.

Uma ideia recorrente é tomar sol na área mais branca para igualar e tentar esconder a marca, mas só nos casos menos graves. É uma opção, mas sempre com protetor mais forte na área mais clara para evitar queimaduras.

Cuidado essencial
A prevenção, no entanto, continua a ser a melhor saída contra marcas indesejadas e queimaduras na pele. Vale lembrar que protetor solar com fator 15, no mínimo, deve ser aplicado de duas em duas horas sempre quando se estiver ao ar livre, mesmo nos dias nublados. Para peles mais claras, a recomendação é o fator 30. Outro detalhe importante é tomar sol antes das 10h e após as 16h.

Chapéu e boné ainda são a solução mais garantida para proteger o rosto, sempre a área mais exposta aos raios. E nada de deixar os óculos de sol por medo das marcas, pois eles previnem lesões nas córneas.

Um alerta para quem gosta de protetor em spray: não espalhe o produto com a mão. É para aplicá-lo como se estivesse 'pintando' a pele mesmo. Se espalhar, como ele é mais líquido, não adere a todas as partes e as marcas vão acabar aparecendo.
(Fonte: Uol)

sexta-feira, 29 de abril de 2016

RECEITA EXPRESSA - TORRESMO NA PANELA DE PRESSÃO

Rápido, prático e sem sujeira.


INGREDIENTES
500 g de barriga fresca de porco
1 sachê de tempero para carne em pó
1 xícara (chá) de óleo

sal a gosto

MODO DE PREPARO:
Corte a barriga de porco em cubos de 3 cm de largura. Tempere-os com o sache e coloque na panela com o óleo quente. Com uma colher, mexa os cubos rapidamente para que se soltem. Tampe a panela, deixe em fogo médio e conte 10 minutos após pegar pressão. Desligue o fogo, retire a pressão, abra a panela e retire os torresmos com uma escumadeira. Salpique sal a gosto e sirva em seguida.

TOP 10 - VANTAGENS DE MORAR SOZINHO


Morar sozinho apresenta algumas vantagens tentadoras que muitos desejam obter. A privacidade e não ter que dar satisfação a ninguém, são as principais vantagens. Por um lado, assistir um filme de terror assustador é muito mais terrível quando estiver sozinho em casa. Aqui estão as 10 vantagens de morar sozinho.

10° - Roupas íntimas á vontade
Não apenas as calças são opcionais, mas também a roupa íntima, sendo este detalhe. É possível ficar pelado quando desejar, da forma desejada. Depois de um banho, é possível esperar 5 minutos para vestir as roupas novamente, ou por 2 horas para vestir-se de novo.

9° - Limpeza apenas quando desejar
É possível limpar o próprio apartamento quando desejar. Na realidade, é possível somente limpar quando souber que terá visitas. Se não quiser limpar para os hóspedes, então sem problemas. Depende totalmente da própria decisão.


8° - Dormir à vontade
Dormir até às 4 horas da tarde é até melhor quando ninguém está por perto para julgar. Não ter ninguém sabendo que quase não saiu da cama ao longo do final de semana inteiro é ainda mais relaxante do que fazer isso, não ter que dar satisfação para ninguém torna essa parte muito interessante.

7° - Banheiro exclusivo
Não há maneira de contornar isso, dividir um banheiro é difícil, em especial quando a água quente não é ilimitada. Quando se vive sozinho, é a única pessoa a tomar banho, e é possível ainda fazer isto quando for desejado, da forma que desejar.
Não mais acordar 30 minutos antes apenas pelo chuveiro.


6° - Sem comida, sem problemas
Não ter que estocar o apartamento com alimento selecionado é um luxo apenas para aqueles que vivem sozinhos. Não é necessário brigar com os que convivem na casa sobre compra de comida, ninguém mexe naquele alimento que você estava louco para comer, ou mesmo pode optar por alimentação saudável.

5º - Nunca se impor sobre ninguém
Quando há um encontro maravilhoso, é necessário pedir gentilmente ao colega de quarto que saia. Se o colega de quarto tiver um encontro, será o inverso. Existe muito deste tipo de situação quando é dividido um espaço com outra pessoa, e este ponto aborrece.

Outro lado negativo é ouvir o colega de quarto tendo relações sexuais ao assistir filme pela sexta-feira à noite. Viver sozinho significa nunca ter que se preocupar sobre acidentalmente se deparar com encontro de outro e também significa que nunca terá que abaixar o volume no próprio encontro. Esse é um dos principais motivos que levam os jovens á saírem da casa dos pais: Privacidade.


4º - Assistir atrações individualmente
Viver com um colega de quarto, ou mesmo parentes, significa ter a obrigação de construir uma relação de assistir juntos às atrações de televisão. É claro que haverá alguém para conversar sobre o que foi assistido, mas também deverá assistir ao ritmo do outro.

Se o companheiro de quarto gostar de sair ao final de semana, não será possível assistir determinada sessão gigantesca no sábado e provavelmente terá que esperar até segunda para assistir o próximo episódio, o que é inaceitável.

3º - Tomar banho quando sentir vontade
É possível tomar banho quando sentir vontade, qualquer dia, mas esta vantagem está em não se preocupar de fazer isso. Afinal, ninguém saberá. Na realidade, se desejar seguir um final de semana inteiro sem escovar os dentes ou cabelo, ninguém saberá, apenas o dentista. Não há nada como deixar a sujeira de lado quando ninguém pode julgar por isso.


2º - Lanches da meia noite sem culpa
Consumir sorvete no café da manhã é maravilhoso. Comer o restante da pizza neste momento do dia também. Morar sozinho significa que é possível comer todo o bolo e pizza desejados sem qualquer julgamento.

É claro, isto não é muito favorável para o próprio peso, mas é uma grande vantagem, assim como decidir sobre o que ter na geladeira, e as horas escolhidas para se alimentar.

1º - O único caminho real para a hibernação
A única verdadeira maneira para hibernar é através da condição de morar sozinho. Se existir um colega de quarto, há necessidade de ser agradável e ao mínimo, saudar o mesmo uma vez ou duas vezes ao dia, até naqueles dias quando não é desejado conversar com ninguém.

Há definitivamente momentos que rastejar para um buraco e não conversar com outro ser humano por alguns dias é a coisa mais desejável no mundo, sendo além da vontade do simples momento reservado, mas não é possível realmente fazer isto se existe um colega de quarto, que torna a privacidade parcial.

Realmente, hibernando longe do mundo é um luxo que apenas as pessoas que moram sozinhas conhecem, e a hibernação.
(Fonte: Top 10)

quinta-feira, 28 de abril de 2016

RECEITA DOCE DO DIA - SANDUÍCHE DE CHURROS

Esse sanduíche é especial!

INGREDIENTES
1 xícara (chá) de água
½ xícara (chá) de manteiga com sal
¼ xícara (chá) de açúcar

¾ xícara (chá) de farinha de trigo

3 ovos

açúcar misturado com canela a gosto

400 g de doce de leite

MODO DE PREPARO
Numa panela coloque a água, a manteiga, o açúcar e leve ao fogo médio até ferver. Adicione a farinha de trigo e misture até soltar do fundo da panela. Retire do fogo, transfira para uma batedeira e bata até esfriar. Com a batedeira ainda ligada, acrescente os ovos e continue batendo até formar uma massa homogênea. Coloque a massa num saco de confeiteiro com o bico fino.

Numa assadeira forrada com papel manteiga e untada, faça discos finos com a massa de churros da seguinte maneira: Coloque a ponta do bico de confeiteiro no papel manteiga e vá fazendo movimentos circulares até formar um disco com aproximadamente 6 cm de diâmetro. Leve para o freezer por cerca de 15 minutos ou até firmar.

Em seguida, frite os discos de churros em óleo quente até dourar. Retire e escorra em papel absorvente. Passe os discos de churros na mistura de canela com açúcar e reserve.

Pegue um disco de churros coloque uma porção de doce de leite e cubra com outro disco de churros formando um sanduíche. Repita o mesmo procedimento até terminarem os ingredientes. Sirva em seguida.

quarta-feira, 27 de abril de 2016

RECEITA SALGADA DO DIA - FRANGO COM HORTELÃ E LARANJA

Pedaços de frango suculentos e saborosos.

INGREDIENTES
2 coxas com sobrecoxas de frango sem pele e gordura
1 dente de alho amassado
2 colheres (sopa) de hortelã
sal a gosto

1 xícara (chá) de suco de laranja

1 laranja em rodelas
folhas de hortelã a gosto

MODO DE PREPARO
Tempere o frango com o alho, a hortelã e sal. Deixe marinar por duas horas.

Em um refratário untado coloque o frango e regue com o suco de laranja. Em seguida leve para assar em forno médio pré-aquecido a 180ºC por cerca de 45 minutos. A cada 10 minutos regue o frango com o caldo que se formar durante o cozimento. Retire do forno, decore com as rodelas de laranja e as folhas de hortelã e sirva.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

RECEITA LIGHT - PALITINHOS DE BERINJELA

Um petisco light para não sair da dieta.

INGREDIENTES
½ xícara (chá) de germe de trigo tostado
½ xícara (chá) de queijo parmesão light ralado
¾ colher (chá) de sal

1 ovo

1 berinjela média cortada em palitos

1 xícara (chá) de molho de tomate

MODO DE PREPARO
Num prato misture o germe de trigo, o queijo e o sal.

Em outro prato bata o ovo.

Passe os palitos de berinjela no ovo batido e em seguida, na mistura de germe de trigo.

Unte uma assadeira com azeite. Nela disponha os palitos e leve para assar no forno alto pré-aquecido a 200ºC por cerca de 5 minutos, virando na metade do tempo. Retire do forno e sirva em seguida com molho de tomate.

domingo, 24 de abril de 2016

CULINÁRIA INFANTIL - PIRULITOS DE BISCOITO

Pirulitos recheados feitos com biscoitos.


INGREDIENTES
2 pacotes de bolacha Maria
800 g de doce de leite

1 kg de chocolate ao leite fracionado derretido

confeitos coloridos

MODO DE PREPARO
Pegue 1 biscoito e com uma faca passe uma camada de doce de leite. Em seguida coloque um palito no meio e cubra com outro biscoito. Aperte delicadamente para sobrar recheio do lado. Alise as bordas retirando o excesso de doce de leite. Repita o mesmo procedimento até terminarem os ingredientes.

 Mergulhe os pirulitos no chocolate derretido, salpique confeitos coloridos e coloque para secar numa assadeira forrada com papel manteiga. Com uma faca retire o excesso de chocolate das bordas. Em bale em saquinhos de celofane e sirva.

PAIS E FILHOS - O QUE DEVE E NÃO DEVE FAZER QUANDO SEU FILHO ESTIVER COM FEBRE


Quando a temperatura das crianças começa a aumentar, a gente se preocupa mesmo. Mas a febre é um sinal de que o corpo está lutando contra aquilo que está deixando ele doente. Na verdade, pode ser benéfico, por acelerar o sistema imunológico e criar um ambiente que a doença não consegue prosperar.

Quando se preocupar com a febre
Se concentre em como seu filho está se sentindo e não ao número que está no termômetro - Você não tem que se livrar da febre do seu filho se ele está brincalhão, comendo bem, e agindo bem.

Não deixe ele com fome se estiver com febre - Crianças com febre podem ter menos fome do que o normal, mas quando eles quiserem comer, ofereça uma dieta saudável e bem equilibrada. Crianças nutridas podem ser mais capazes de combater infecções.

Mantenha ele hidratado - Os suores da febre podem desidratar uma criança. Então, ofereça muita água (ou, para vômitos e diarréia, uma bebida eletrolítica)

Não deixe seu filho pouco coberto e nem descoberto - Quando uma criança desenvolve uma febre, é natural que ela queira se vestir com roupas que esquentem mais, e ela precisa esfriar o corpo. Não exagerar de qualquer maneira.

Considere usar compressas de água - Se o seu filho estiver vomitando e incapaz de manter o remédio no estômago, encha uma banheira com um pouco de água morna e use um pano para driblar a febre. Passe o pano pelo tronco, braços e pernas para ajudar a diminuir sua temperatura central.

Coisas a considerar antes de entrar em contato com o médico:
Quantos anos tem seu filho? - Geralmente, quanto mais jovem ele é, mais preocupante é uma febre. Ligue para o médico se o seu bebê recém-nascido de até 3 meses estiver com uma febre de 38º C ou superior; caso tenha de 3 a 6 meses de idade, com uma temperatura de 38,8º C ou superior e se o seu filho de 6 meses tiver uma febre de 39,4ºC ou superior.

Há quanto tempo ele está com febre? - Para um bebê de 3 a 12 meses, ligue para o médico se houver febre de 38ºC ou superior e que dure mais de 24 horas. Para crianças entre 1 e 2 anos, se a febre durar dois ou mais dias sem melhora e para crianças mais velhas que 2 anos, se ela não melhorar depois de três dias.

Existem outros sintomas? - Ligue caso você note certos sinais que sugerem uma doença que requer mais tratamento, como garganta inflamada, uma infecção no ouvido, ou uma infecção do trato urinário. Estes incluem: vômito e/ou diarreia repetidos; severa dor de ouvido, dor de cabeça, e/ou dor de garganta; torcicolo, apatia, dificuldade para respirar, erupção cutânea sem explicação, sinais de desidratação (fraldas menos molhadas, diminuição ou sem lágrimas).
(Fonte: Pais e Filhos)

sábado, 23 de abril de 2016

CABELO - ERROS COMUNS DE QUEM USA CHAPINHA


Assim como o secador, a chapinha é uma grande aliada da beleza feminina. É superprática e oferece às mulheres o resultado desejado em poucos minutos!

Até mesmo as mulheres que têm os cabelos praticamente lisos provavelmente já usaram, ao menos uma vez na vida, a chapinha para alcançar um liso ainda mais perfeito.

Porém, como é um aparelho que está em contato direto com os fios, seu uso requer cuidados especiais. Mas será que você está usando-o corretamente? O calor da chapinha não está prejudicando seus fios?

Abaixo você confere alguns erros comuns que muitas mulheres cometem ao usar a chapinha. E fica atenta para, se for o caso, eliminar qualquer um desses hábitos de sua vida!

- Esquecer de proteger os fios antes. Invista em um leave-in ou creme termoprotetor, que blinda o cabelo contra a ação do calor.

- Deixar a prancha quente demais também maltrata o cabelo. Por que alguns aparelhos cheguem a 200º C, o ideal é não ultrapassar os 180º C.

- Repetir o uso perto da raiz pode levar a oleosidade para todo o comprimento e deixar os fios pesados.

- Passar a chapinha em linha reta no cabelo pode deixar as pontas espigadas. Chegando perto do fim do fio, dê uma torcidinha com a mão.

- Usar no cabelo molhado é proibido. Isso porque o choque térmico frita o fio, rompendo a estrutura e acabando com o brilho.

- Parar a prancha - e não deslizar - em um ponto do comprimento faz com que o cabelo fique marcado.

sexta-feira, 22 de abril de 2016

EDUCAÇÃO - TECNOLOGIA NAS ESCOLAS


Vivemos no século 21 e uma crítica muito ouvida no meio educacional é a seguinte: a escola é do século 19, os professores são do século 20 e os alunos, do século 21.

Pois bem, por esse raciocínio, então, só os alunos estão no tempo correto - e sempre estarão -, independente do século em que estejam estudando.

A escola deve se adequar aos novos tempos? Sim sem a menor sombra de dúvida. E os professores? Também. Agora, como e por que fazer isso?

O ensino deve ser mais prático e vivencial, com mais laboratórios e experimentações, inclusive nas matérias de humanas, tidas como muito teóricas. Isso não é uma ideia nova. Quem se lembra do movimento escolanovista e o que ele havia proposto?

Cada escola tem seu projeto pedagógico próprio, sua comunidade, sua cultura e tudo mais. Independentemente disso, aulas por projetos, experimentações, "teatralização" de alguns temas devem ser implantados e incentivados para dar mais significado ao que se ensina e se aprende.

E a tecnologia, como ela pode ajudar? Textos, apresentações, planilhas, vídeos, áudios, entrevistas e outras coisas mais podem ser produzidas a muitas mãos e compartilhadas em nuvem para que todos possam acessá-las a dar o seu pitaco como opinião ou alteração do que está sendo produzido.

A tecnologia, na forma de editores de textos, de editores de áudio e vídeo, de imagens, de planilhas, de conversores, de nuvens, de apresentações, fornece o meio para que o processo de ensino e aprendizagem autoral e colaborativo aconteça de fato.

O estímulo à aprendizagem flui de modo mais intenso e de acordo com as competências e habilidades - essas, de fato, fundamentais - que se desejam no século em que vivemos.

Estamos no período conhecido como pós-industrial. O foco na atualidade é a autoria e a colaboração. Mais do que conteúdos - que serão sempre importantes, claro - é imperativo saber o que fazer com eles e como os produzir, divulgar e compartilhar.

Não podemos mais ficar apenas despejando conteúdo da forma que fazíamos até o período industrial. Anteriormente, acredito que fazia algum sentido, mesmo sendo favorável a um ensino mais significativo nessa época também, dependendo dos objetivos a serem alcançados.

Mas agora, realmente, não há mais sentido em continuarmos assim. A escola é uma; o mundo é outro. Mas, não se pode ter uma educação significativa sem a tecnologia? Claro que sim! Mas, se a tivermos ao alcance das mãos, por que não a utilizarmos da melhor maneira possível como um meio importante para atingirmos nossos objetivos de ensino e de aprendizagem?

Algumas escolas já estão entrando com tudo nessa área. Usando a tecnologia para promover um moderno, atual e significativo projeto de ensino e aprendizagem. Mas, para tal, sempre deve-se consultar um especialista e fazer cursos a respeito.

Enfim, se você é professor, educador, mantenedor de escola ou atua no meio educacional de alguma forma, invista em tecnologia educacional. Os resultados para todos os envolvidos valem a pena.
(Fonte: Portal Educação)

quinta-feira, 21 de abril de 2016

RECEITA SALGADA DO DIA - ARROZ À GREGA

Delicioso arroz para servir com qualquer tipo de carne.

INGREDIENTES
2 colheres (sopa) de óleo
2 xícaras (chá) de arroz lavado e escorrido
1 pimentão verde pequeno cortado em tirinhas finas
1 pimentão vermelho pequeno cortado em tirinhas finas
1 cenoura cortada em tirinhas finas

4 xícaras (chá) de água
3 tabletes de caldo de frango
1 xícara (chá) de uvas-passas

MODO DE PREPARO
Numa panela em fogo médio, aqueça o óleo e refogue o arroz, o pimentão verde, o pimentão vermelho e a cenoura. Adicione a água fervente, os tabletes de caldo de frango, as uvas-passas e misture. Abaixe o fogo e com a panela parcialmente tampada deixe cozinhar por cerca de 15 minutos ou até o arroz secar. Retire do fogo e deixe descansar por 15 minutos. Sirva em seguida.  

JARDINAGEM - DICAS PARA TER UM JARDIM LINDO NA PRIMAVERA


Durante o inverno, as plantas praticamente não se desenvolvem, elas passam por um período de dormência, apenas reservando suas seivas para a primavera. Utilize o finalzinho de inverno e o começo da próxima estação para cuidar do seu jardim.

- Prepare seu jardim para esse despertar deixando-o limpo. Retire todos os restos vegetais: folhas caídas, galhos secos e brotos mal formados.

- Retire, também, as ervas daninhas e passe a ter mais atenção a elas nas estações mais quentes que virão, pois o calor e a chuva são propícios para o nascimento delas.

- Faça uma adubação no início de setembro, de preferência orgânica, para intensificar as floradas da primavera. Você pode usar adubo de farinha de osso, torta de mamona ou húmus de minhoca (todos encontrados em lojas de jardinagem). Mas escolha apenas uma opção dessas. Para adubar, revolva o solo e misture o adubo de acordo com a proporção indicada pelo fabricante. 

- Se você quer mudar a posição das suas plantas, aproveite a primavera, que a adaptação das espécies é melhor. Mas antes, faça um planejamento das mudanças. Veja o que você vai mudar e para onde antes de retirá-las da terra.

- Se o inverno for muito úmido, é importante fazer uma aeração nos gramados, que estão judiados. Existem sapatilhas com pregos na sola (também encontrada em casas de jardinagem), que você calça e pisoteia o gramado.

- O corte do gramado deve ser cuidadoso. Não o apare com menos de 2,5cm de altura, pois ela está sensível por causa do inverno e vai começar a se recuperar agora. Se cortar muito, ficará feia. 

- Observe a presença de fungos típicos do inverno e os combata. Note se as folhas estão esbranquiçadas ou com manchas pretas. Se estiverem, aplique um fungicida, vendido em casas de jardinagem (e leia com atenção as instruções do fabricante). 

- O momento ideal de podar as plantas foi durante o inverno, para elevar a copa ou dar formato para a planta. Se você deixou passar a hora da poda, não mexa mais. Espere o período entre maio e agosto do ano que vem para isso. Mas se tiver que fazer poda de limpeza, para retirar brotos ladrões que roubam a energia da planta, terá que podar agora mesmo, apesar de são ser o mês ideal. 

- Enquanto o tempo estiver úmido, não faça regas à noite. O ideal, aliás, é sempre molhar as plantas pela manhã, pois é melhor para elas.

- A primavera é uma época excelente para a florada de lírios, ericonias, íris, gerânios, gardênias e caliandras, que florescerão muito. Para plantar, compre mudas e não sementes.
(Fonte: IG) 

quarta-feira, 20 de abril de 2016

RECEITA DOCE DO DIA - BOLO INVERTIDO DE ABACAXI APIMENTADO

Bolo de abacaxi com um leve toque de pimenta.

INGREDIENTES
250 ml de glucose de milho
1 pimenta dedo-de-moça sem sementes picada
casca ralada de 1 limão siciliano

7 fatias de abacaxi em calda escorridas

200 g de manteiga em temperatura ambiente
200 g de açúcar
4 ovos grandes ligeiramente batidos

200 g de farinha de trigo

100 g de abacaxi em calda picadinho

MODO DE PREPARO
Numa panela coloque a glucose de milho, a pimenta, a casca de limão e leve ao fogo médio por 2 minutos. Retire do forno e transfira metade desta mistura para uma forma (23 cm de diâmetro) forrada com papel manteiga, espalhando bem. Em seguida arrume as farias de abacaxi sobre a calda e reserve.

Coloque numa batedeira a manteiga, o açúcar e bata bem até obter um creme claro e fofo. Adicione os ovos, um a um, batendo bem a cada adição. Desligue a batedeira acrescente a farinha de trigo e misture delicadamente. Adicione o abacaxi picado e misture.

Distribua colheradas da massa na forma reservada acima e alise a superfície com as costas de uma colher. Leve para assar em forno médio pré-aquecido a 180°C por cerca de 45 minutos ou até dourar e enfiando um palito no centro, ele saia limpo. Se o bolo estiver dourando muito rápido, cubra com papel-alumínio e continue assando. Retire do forno e deixe amornar por 10 minutos antes de desenformar. Com cuidado, vire o bolo sobre um prato. Aqueça rapidamente a calda de pimenta restante e derrame sobre o bolo. Sirva morno ou em temperatura ambiente.

ECONOMIA - DÁ PARA COMPRAR IMÓVEL NO MEIO DESSA CRISE?


Não está nada fácil comprar imóvel. O crédito para financiamento recuou 33% em 2015, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), e a previsão é que caia ainda mais 20% em 2016.

Para o economista Luiz Calado, autor do livro "Imóveis – seu guia para fazer da compra e venda um grande negócio", esse não é mesmo um bom momento para comprar. Segundo ele, com a instabilidade econômica elevada, o risco de desemprego aumenta e não é aconselhável se endividar a longo prazo.

O preço dos imóveis também deve continuar caindo, o que significa que quem comprar agora pode pagar mais caro do que quem esperar um pouco mais. "É melhor continuar no aluguel e guardar dinheiro para uma futura compra."

Dicas para planejar a compra do imóvel

Dê a maior entrada - Junte dinheiro para dar a maior entrada possível. O ideal é acima de 50% de entrada. Quanto menor o prazo de financiamento, menores os juros e menor o risco de inadimplência.

Cuidado com a dívida - Nunca comprometa mais do que 30% da renda com a prestação do financiamento

Só compre com certeza - Se há perspectiva de se mudar ou aumentar a família, é melhor alugar. O processo da compra e da venda de um imóvel tem um custo de 10% do valor do imóvel só com pagamento de corretagem e impostos

Quem tem dinheiro tem desconto - Quem pode pagar à vista obtém descontos de até 20%, em média. A visita a saldões de construtoras pode render descontos ainda maiores, de mais de 40%, pois muita gente devolveu o imóvel porque não obteve financiamento ou porque percebeu que comprou muito mais caro do que o imóvel vale agora

Aluguel estratégico - Alugar um imóvel barato para morar pode ser uma boa estratégia para conseguir juntar dinheiro para a compra da casa própria

Não compre o imóvel dos sonhos - Não se frustre tentando comprar primeiro o imóvel dos sonhos. Se esse objetivo parece inalcançável num primeiro momento, comece juntando dinheiro para comprar um imóvel de menor valor. É mais fácil formar o patrimônio com passos pequenos de cada vez

Faça o orçamento -  Comprar uma casa envolve sacrifícios como deixar de sair todo fim de semana, fazer a viagem mais cara ou trocar o carro todo ano. É preciso economizar todo o dinheiro possível

Avalie seu crédito - Antes de se comprometer com uma compra, peça ao seu gerente uma avaliação de quanto crédito você poderá obter. Não confie apenas nos simuladores disponíveis nos sites dos bancos, pois a concessão de crédito depende da avaliação de sua real situação financeira.

Aplique na renda fixa - Para guardar dinheiro para a compra da casa própria, a recomendação é investir em renda fixa e em uma aplicação com o menor risco possível, tais como títulos pós-fixados indexados à taxa Selic do Tesouro Direto.

Confira a documentação - Verifique toda a documentação do imóvel e do vendedor antes de comprar, para não perder dinheiro. Quando comprar imóvel na planta, verifique a situação da construtora.
(Fonte: Uol)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...